Extensão

por Portal INFIS
Publicado: 08/07/2019 - 00:00
Última modificação: 19/12/2022 - 10:26

 

 

Apresentação

Extensão Universitária

A Extensão Universitária é o processo educativo, cultural e científico articulada com o ensino e a pesquisa de forma indissociável e viabiliza a relação transformadora entre Universidade e Sociedade.

A Coordenação de Extensão do Instituto de Física (COEXT-INFIS) é o órgão de planejamento, divulgação, assessoramento, apoio, acompanhamento e organização de todas as atividades de Extensão do INFIS. (Aprovação da minuta de resolução encontra-se sob apreciação no CONSUN).

 

Compete à COEXT-INFIS:

I – orientar e acompanhar as atividades de extensão do INFIS pelo Sistema de Informação de Extensão da Universidade Federal de Uberlândia (SIEX);

II – apresentar ao Conselho da Unidade relatório anual de extensão;

III – representar, por meio do Coordenador em exercício, a Unidade junto ao Conselho de Extensão, Cultura e Assuntos Estudantis;

IV – estudar e propor normas relativas à distribuição de honorários entre os profissionais envolvidos;

V – zelar pela qualidade e eficiência dos serviços de extensão prestados pela Unidade Acadêmica;

VI – coordenar os serviços de extensão em consonância com as normas administrativas propostas pela Pró-Reitoria de Extensão, Cultura e Assuntos Estudantis (PROEXC);

VII – promover integração dos projetos de extensão da Unidade Acadêmica; e 

VIII – propor normas e resoluções que permitam melhorar as atividades de extensão da Unidade Acadêmica.

 

Coordenação da COEXT:

Coordenador:  Paulo Cesar Peres de Andrade

Representante Docente: Prof.  Marco Aurélio Boselli

Representante Docente: Prof.  Ricardo Ribeiro de Ávila

Representante Docente: Profª. Daniele Alves Dias

Representante Discente: Ananery Lopes Ribeiro

Representante Técnico:  Valter José Coutinho Júnior

 

Contato:

Email: coext@infis.ufu.br

Telefone: (34) 3239-4181

 

Mais informações:

Procedimentos para a submissão das ações e relatórios das atividade de extensão: Rosolução COLEXINFIS Nº 1, DE 14 DE FEVEREIRO DE 2022 e RESOLUÇÃO COLEXINFIS Nº 2, DE 14 DE FEVEREIRO DE 2022

Para registro das atividades de extensão e cultura desenvolvidas na Universidade Federal de Uberlândia (UFU): http://www.siex.proex.ufu.br/

Principais acontecimentos e editais relacionados às atividades extensionistas: http://www.proexc.ufu.br/

Para auxiliar no preenchimento de ações no SIEX, veja o documento "Como preencher ações no SIEX".

Museu DICA

Link para o site do Museu:

https://www.dicaufu.com.br/

Semana da Física

Semana da Física

 

A Semana da Física tem como objetivo ampliar os horizontes dos estudantes de Física (Licenciatura, Bacharelado em Física de Materiais e Bacharelado em Física Médica), contribuindo para a formação de profissionais atuantes em ensino, pesquisa e extensão. O evento também procura divulgar a Física para a comunidade de Uberlândia e região. Ao longo de sua história, esse evento sofreu algumas transformações. De 2003 a 2005, era chamado de Mostra da Pós-graduação e buscava divulgar os trabalhos científicos realizados no Instituto de Física da UFU, contando apenas com a participação de estudantes e professores da Pós-Graduação em Física. Em 2005, foi ampliado para incluir os estudantes de graduação e passou a ser chamado de Semana da Física, mas suas atividades ainda se limitavam apenas ao período diurno. O evento não foi realizado de 2007 a 2009. A partir de 2010, retornou com o formato atual, com atividades no período diurno e noturno, propiciando a participação dos alunos da Física Licenciatura.

Edições do evento


XI Semana da Física - 2018
 

X Semana da Física - 2017

 

IX Semana da Física - 2016

 

VIII Semana da Física - 2015

 

VII Semana da Física - 2014
 

IV Semana da Física - 2011

 

Tem Menina no Circuito - MG

O Tem Menina no Circuito é uma iniciativa fundada por três professoras do Instituto de Física da UFRJ. Atuamos em escolas de alta vulnerabilidade social na área metropolitana do Rio de Janeiro - RJ desde 2014, com expansão para as cidades de Uberlândia  em Minas Gerais em 2019, através de uma parceria estabelecida com a professora Liliana Sanz de La Torre da Universidade Federal de Uberlândia (UFU). A equipe da UFU conta ainda com a profa. Sorandra Côrrea de Lima, do Instituto de Física do campus Monte Carmelo-, e os professores Maísa Gonçalves da Silva e Alex de Medeiros Carvalho, da Escola de Educação Básica (ESEBA). A nossa missão é incentivar meninas a gostar das áreas de ciências exatas e tecnologia (áreas STEM) através de atividades lúdicas guiadas por monitoras e/ou docentes universitárias, palestras com pesquisadoras, visitas à laboratórios e espaços de ciência, dentro outras. Nossos valores são: equidade; acesso a educação de qualidade – a educação pode mudar o mundo e todos devem ter acesso a ela; letramento científico – o fazer científico deve ser popularizado pois é uma poderosa ferramenta de inclusão social; Respeito a diversidade – Não discriminar pessoas por gênero, raça, credo, orientação sexual ou deficiência; Ética – honestidade, integridade e justiça no tratamento com os outros. Nossa motivação foi a constatação da falta de mulheres atuando como docentes em todos os níveis de ensino e de pesquisadoras no corpo de cientistas nas áreas STEM. Além do nosso trabalho nas escolas, fazemos divulgação científica em atividades abertas ao público geral. 

Nossa abordagem holística do processo de ensino-aprendizado que envolve a qualidade técnica das atividades, a interação com as famílias das meninas participantes da iniciativa e o nosso cuidado com a equipe de monitoras, alunas da graduação, combatendo a evasão dos cursos de exatas foram as justificativas por trás da escolha do nosso projeto como o ganhador de 2022 do prêmio “Inspiring Women on Science” promovido pelo grupo Springer-Nature em parceria com Estèe Lauder.

Link para o site:

http://temmeninanocircuito.wordpress.com/tem-menina-no-circuito-minas-gerais/
 

Meninas da Física

Fazendo ciência como garotas desde 2017

Porque, você já sabe: lugar de mulher é onde ela quiser (;

O projeto Meninas da Física surgiu no final do ano de 2017, com 3 meninas, com o objetivo de participar do Programa Embaixadores Nucleares, promovido pela Associação Brasileira de Energia Nuclear (ABEN) com a intenção de divulgar a ciência nuclear de maneira positiva. A participação no Programa Embaixadores Nucleares resultou no 2º lugar geral.

As mulheres enfrentam muitas dificuldades para ingressar nas atividades acadêmicas, devido ao preconceito e machismo. Este fato pode levar à conclusão, errônea, de que elas não foram decisivas para que a humanidade chegasse ao seu estado de desenvolvimento científico atual. Desta forma, pretendemos destacar os avanços científicos devido à pesquisa realizada por mulheres engajadas na ciência. Este projeto é aberto ao público, e não é desenvolvido apenas por mulheres, pois o intuito é unir esforços para a diminuição do machismo e do preconceito.

Atualmente, somos um projeto de extensão da Universidade Federal de Uberlândia (UFU) que conta com 44 colaboradoras, tendo como alcance principal o público feminino, promovemos eventos e atividades sem exclusão de gênero e aberto a todos os públicos, como palestras, minicursos, monitorias, etc.

 

Para saber mais:

https://www.meninasdafisica.com.br/